segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

A MAIS NOVA VELHA ATIVIDADE

Bom, todo mundo já sabe que sou mãe novamente. bebê Inessa já fez 9 meses e tá cada dia mais fofa.
Eu trabalhava como assistente social quando ela chegou bem doente pra mim...resultado: parei com tudo e resolvi que ela uma prioridade na minha vida.
Cá estamos nós duas felizes, mas meu lado de mulher independente não me abandona e preciso ganhar meu dinheiro. Não precisa ser muito, mas precisa ser meu.
E até pelo processo judicial que já está instalado, resolvi ficar em casa com ela por tempo indeterminado. Mas o bichinho do trabalho me roendo...rsEntão resolvi retomar uma atividade que eu tive a long time ago: fazer sanduíches e doces pra vender. Estou ainda no começo do começo, mas já tem me rendido uns trocados satisfatórios...rs...por isso no outro post falei de procurar receitas na net. E por isso o título a princípio sem sentido deste post aqui.
Eu trabalhei com comida quando meus meninos eram pequenos, e precisei realmente sustentar a prole pois a empresa que Gustavo trabalhava estava sob falência e foi um caos. Mas como diz minha vó, náo nasci quadrada, pelo contrário, fiquei redonda ao longo do tempo..hahaahahahaahah...só pra descontrair...rs
E como hoje, no tempo presente, não posso arrumar um trampo fora do lar-doce-lar, resolvi retomar algo que nem esperava agora, mas a vida é assim, nos prega essas peças, e a gente vai caminhando.
Bom que hoje é só pra ganhar o meu, e não pra sustentar a casa, o que deixa o trabalho mais prazeroso, lógico.
Tem sido legal, tem sido cansativo, tem sido produtivo.
E aqui vale um comentário: aqui no brasil se tem muito preconceito contra "trabalhos menores", como se costuma falar aqui. As pessoas têm evrgonha de certas atividades porque elas aparentemente não trazem status nem glamour. Mas...tô nem aí se sou formada mas hoje tô fazendo outra coisa. Acho que trabalho é digno se feito legal, com paixão, e só.

2 comentários:

Mila Viegas disse...

E juntas estamos no mesmo barco (que nunca afundou e nem vai, diga-se de passagem.. rs). Trabalho menor??? kkkkkkk... Glamour??? kkkkk... Darling, glamour e nós somos unha e carne!!! rsrsrs... Mesmo com avental e lenço na cabeça. Mas tudo fashion!

Lucia Cintra disse...

Vai fundo, pois a melhor coisa eh ter sua independencia, ter suas coisinhas. Eu nunca conseguiria ser somente dona de casa e ficar sem trabalhar. Acho que todo mundo precisa de algo pra se ocupar alem dos filhos, isso eh mt importante.

A proposito: Parabens, furinga!!! Desejo que essa proxima decada da sua vida seja recheada de novidades, saude e muita realizacao!

bjos, Lu