quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

O SENTIDO DA VIDA PARA ALGUNS...IDIOTAS

Pai adotivo é preso suspeito de abandonar menina de 3 anos em rodovia
Ele conseguiu a guarda da criança em agosto deste ano, na Bahia.
Vítima foi deixada a 230 km de onde vivia com família adotiva, em MG.


--------------------------------------------------------------------------------
Um diretor de comunicação, de 34 anos, foi preso, nesta terça-feira (15), em Resplendor (MG), sob suspeita de ter abandonado a filha adotiva, de 3 anos, às margens da rodovia BR-259, na madrugada de sexta-feira (11). Segundo a polícia, a criança tinha deixado um abrigo de Belmonte (BA), em 31 de agosto deste ano, para viver com o diretor e a mulher dele, de 32 anos, e estava em processo de adoção.



O delegado Izaqueu Lourenço da Silva, responsável pelo inquérito do caso, disse ao G1 que o diretor de comunicação teria confessado o abandono da criança e que o motivo teria sido a forte alteração da rotina dele e da mulher após a convivência diária com a menina. "Ele nos disse, durante o depoimento, que não estava se adaptando ao convívio da criança e que o relacionamento com ela estava ficando insustentável."



A criança foi encontrada por um casal, que trafegava pela rodovia. "Eles a levaram para o povoado de Patrimônio Horácio e perguntaram aos moradores se a conheciam. Como não conseguiram achar os pais da menina, chamaram o Conselho Tutelar da região e a Polícia Militar", disse Lourenço.



O delegado informou ainda que o ponto onde a criança foi deixada fica a cerca de 230 quilômetros de distância da casa onde ela vivia com o diretor de comunicação e a mãe adotiva, em Ipatinga (MG). "A menina estava com roupas limpas e alimentada, mas estava com muito medo da mata e da possibilidade de se deparar com algum bicho", disse.



O pai adotivo está preso na carceragem da Delegacia de Resplendor. "Conseguimos um mandado de prisão temporária de 30 dias. Ainda queremos saber como foi feita a entrevista que autorizou o casal a adotar a criança na Bahia, além de apurar como se desenrolou todo o processo", afirmou o delegado.



A menina de 3 anos está em uma instituição de amparo à criança em Resplendor, onde recebe atenção de psicológos e assistentes sociais. "Por enquanto, não temos indícios da participação da mãe 'adotiva' no abandono da criança. No depoimento do pai [diretor de comunicação], ele declarou que deixou a criança na rodovia, mas que teria dito à mulher que a deixara em uma creche", disse Izaqueu Lourenço.



O delegado informou que vai indiciar o pai adotivo por tentativa de homicídio. "Estou levando em consideração o local onde a criança foi abandonada e o horário. Ela foi exposta ao risco de ser atropelada, de ser atacada por algum animal da região. Não se trata apenas de um abandono de incapaz, como seria mais óbvio registrar o caso. Se for condenado, levando em conta o abrandamento possível da pena, ele pode cumprir de 2 a 20 anos de prisão", disse Lourenço.



AGORA EU PERGUNTO: ONDE A HUMANIDADE VAI PARAR????????

Nenhum comentário: